Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

As Icamiabas estreiam na TV Cultura do Pará

Imprensa

As Icamiabas estreiam na TV Cultura do Pará

Série terá lançamento simultâneo no dia 18 de novembro, às 10h, pela TV Cultura e Cine Líbero Luxardo.
As Icamiabas estreiam na TV Cultura do Pará

Foto: Divulgação

 

Lendárias guerreiras da Amazônia, as Icamiabas eram mulheres fortes e que não costumavam levar desaforo para casa. A missão das indígenas era proteger a tribo e, assim, evitar ataques de possíveis invasores. O imaginário deu lugar à fantasia e serviu de inspiração para o Iluminuras Estúdio de Animação criar o desenho animado "As Icamiabas na Cidade Amazônia", a terceira série contemplada pelo Edital Cultura de Audiovisual.

 

Com direção de Otoniel Oliveira e criação de Otoniel Oliveira e Petrônio Medeiros, a produção paraense terá lançamento simultâneo dia 18 de novembro, às 10h, pela TV Cultura do Pará e Cine Líbero Luxardo, da Fundação Cultural do Pará. A animação segue em exibição no dia 25 deste mês e nos dias 2, 9 e 16 de dezembro, sempre no mesmo horário na emissora.

 

Sobre o filme - A animação de cinco episódios em animação 2D se passa na fantástica Cidade Amazônia, onde os antigos deuses se aposentaram e os conflitos entre os seres encantados e os humanos passam a ser resolvidos pelas Icamiabas. Iuna, Laci, Conori e Thyhi são quatro meninas guerreiras, cada uma regida por uma fase da lua, que dividem sua rotina entre as tarefas comuns do dia a dia com batalhas engraçadas para manter a harmonia na cidade. Cada personagem possui uma personalidade diferente, o que deu um tom divertido à série. 

  

"Apesar de falar da Amazônia, a série tem uma temática universal. Nossa preocupação foi criar um produto com referência amazônica e da nossa cultura local. As pessoas vão perceber que temos toda uma arquitetura tapajônica e marajoaras nas cenas. Por exemplo, a Cidade Amazônia é uma versão fantástica de Belém, onde as árvores vivem pertinho dos prédios. Bacana destacar também é que montamos uma equipe de animadores para dar conta do trabalho e formamos nova turma de animadores em Belém. Então, isso aqueceu o mercado pois trouxemos capacitação também", explica Andrei Miralha, um dos criadores da animação.

 

Para atrair a atenção do público, principalmente o infantil, os animadores apostaram na temática da representatividade, que foi inserida de forma dinâmica nos cinco episódios. O roteiro ágil e recheado de referências locais também ganhou dublagens carregadas com o vocabulário regional e paraense. 

 

"Se a gente gosta de ver super-heróis porque não fazer fantasias de poder com indígenas? Com mulheres amazônicas? Então, além das personagens e dessa estrutura toda, a gente construiu a narrativa com referências de todas as cidades do Norte porque achamos que a representatividade do Norte ainda é pequena dentro desse segmento da animação. Queremos que a audiência e as crianças vissem um lugar em que elas pudessem se reconhecer, ao mesmo tempo em que fosse um lugar fantástico para despertar a animação. Queremos que as pessoas de fora também vejam um lugar possível da realidade amazônica", destaca Otoniel Oliveira, diretor da série. 

 

As Icamiabas são velhas conhecidas do telespectador da TV Cultura do Pará. Em 2012 a animação ganhou espaço na interprogramação da emissora em três episódios de um minuto cada. O sucesso foi tão grande que o estúdio de animação se inscreveu no Edital Cultura de Audiovisual, em 2014, e teve a ideia aprovada para realizar a série. E, dessa vez, a missão foi grande. Com a proposta de fomentar o mercado no Pará, o estúdio contratou uma equipe com 25 pessoas e formou novos animadores em Belém. Isso só foi possível porque o Iluminuras Estúdio recebeu orçamento total de R$ 500 mil, conforme previa o edital. 

 

"Estou fazendo animação há quase três anos, antes disso eu só trabalhava criando ilustrações para algumas empresas. Aí surgiu a oportunidade do curso no Iluminuras para ingressar na equipe que trabalharia nas Icamiabas. Depois de 30 dias de treinamento, fui selecionado e fiquei muito feliz. Eu me descobri profissionalmente produzindo a série. Fiquei fascinado com a animação e decidi trabalhar com isso pelo resto da vida, é uma coisa que me dá muito prazer e onde me sinto realizado", conta Gizandro Santos, de 29 anos, um dos animadores paraenses contratados pelo Iluminuras. 

 

O Iliminuras Estúdio preparou uma sessão especial para o lançamento do primeiro episódio da série no dia 18, às 9h, no Cine Líbero Luxardo. Para animar o público, a programação vai ter oficina de maquiagem e cosplays, além de um quiz que valerá brindes. Logo após a exibição do episódio, marcada para às 10h, haverá bate papo com os criadores sobre o processo criativo da série. Eles vão apresentar também os principais elementos de uma animação. 

 

Edital - "As Icamiabas na Cidade Amazônia" foi umas das quatro séries contempladas pelo Edital Cultura de Audiovisual, lançado em 2014, pela Cultura Rede de Comunicação. A TV Cultura do Pará foi a única emissora pública do Norte do Brasil a garantir edital voltado para área em parceria com a Agência Nacional do Cinema (Ancine).

 

No total, foram destinados R$ 3 milhões para produtoras paraenses selecionadas realizarem as minisséries, sendo R$ 1 milhão contrapartida da emissora e R$ 2 milhões da Ancine. Até o final do ano, a Cultura Rede de Comunicação deve lançar um novo edital de audiovisual.

 

A série "As Icamiabas na Cidade Amazônia" terá reapresentação pela TV Cultura do Pará nos dias 19 e 26 de novembro e 3, 10 e 17 de dezembro, sempre às 16h45.