Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

Cultura garante transmissão do Banparazão pelo oitavo ano consecutivo

Foto em destaque

Cultura garante transmissão do Banparazão pelo oitavo ano consecutivo

A transmissão começa neste domingo (14)
Publicado em 10/01/2018
A transmissão começa neste domingo (14)
Cultura garante transmissão do Banparazão pelo oitavo ano consecutivo

Foto: Camila Lima/ Portal Cultura

Pelo oitavo ano consecutivo, a TV Cultura do Pará vai transmitir todas as emoções de Remo e Paysandu no Banparazão 2018 a partir deste domingo (14) na partida entre Clube do Remo e Bragantino, às 16h, direto do Estádio Edgar Proença, o Mangueirão, em Belém. Mais uma vez a competição será transmitida em HD (high definition) para 115 municípios do Estado que recebem o sinal da emissora oficial do Banparazão. O programa esportivo ‘Meio de Campo’ também está de volta sempre uma hora antes das partidas, com a mesma interação por meio das redes sociais da Cultura. A Rádio Cultura também vai transmitir as partidas de Remo e Paysandu, enquanto que o Portal Cultura vai disponibilizar a competição via internet.  

 

"O Governo reafirma esse compromisso com os torcedores e o que a gente espera de imediato é que os clubes façam bonito no gramado. O torcedor que paga o ingresso quer o melhor, 

então que seja um campeonato bonito, de paz. O Banpazarão movimenta muita gente. Só para se ter uma ideia em dias de RexPa nós temos mais de 100 profissionais da Cultura envolvidos. É um campeonato grandioso, que chega para mais de cinco milhões de pessoas. É inevitável que você tenha uma grande participação dos paraenses, onde todos ficam ligados na TV Cultura e torcendo pelos seus times. O mais importante de tudo é que tenhamos um campeonato de paz", observa Adelaide Oliveira, presidente da Cultura Rede de Comunicação. 

 

Para a realização do Banparazão 2018, o Governo do Pará investiu mais de seis milhões de reais. Pelos direitos de transmissão exclusiva do campeonato, como já acontece há oito anos, a TV Cultura do Pará vai destinar R$ R$ 2.956.800,00. Desse valor serão retiradas as premiações para os quatro melhores times do campeonato. O campeão receberá R$ 212 mil, o segundo R$ 159 mil, o terceiro R$ 106 mil e o quarto R$ 53 mil. O campeonato deste ano terá a participação de 10 clubes paraenses. O time do Bragantino vai disputar pela primeira vez a competição.

 

Mais de 50 profissionais da emissora estarão envolvidos nas transmissões dos jogos de Remo e Paysandu, totalizando uma média de 25 partidas até a grande final. O Portal Cultura vai disponibilizar a transmissão dos jogos no canal do Portal no Youtube (www.youtube.com/canalportalcultura), além disso, a competição terá uma cobertura exclusiva no site com todas as informações dos clubes envolvidos. Já a Rádio Cultura (93,7 FM) também vai transmitir as 25 partidas de Remo e Paysandu, além de levar novidades sobre os times ao Jornal da Manhã, sempre às 7h. O jornalismo da TV Cultura vai mostrar um pequeno compacto dos jogos no Jornal Cultura a partir das 18h30.

 

"Já estamos com tudo pronto para começar as transmissões deste ano. Pelo segundo ano consecutivo os jogos serão exibidos em HD, que traz mais qualidade de som e imagem nas partidas. Quem ganha é o torcedor paraense. Nós já visitamos os estádios onde serão realizadas as partidas e testamos os equipamentos. Esse ano teremos transmissão do estádio do Bragantino, em Bragança. que será uma novidade. Então, nossa equipe técnica está afinada para fazer um dos melhores campeonatos", destaca Paloma Andrade, coordenadora de produção da TV Cultura do Pará.

 

Meio de Campo 

 

Sempre uma hora antes das partidas, a TV Cultura vai exibir o ‘Meio de Campo’, que continua sob o comando dos jornalistas Trisha Guimarães e Felipe Faraon, com reportagens de Syanne Neno, Felipe Faraon e do youtuber Kevin Albuquerque, que vai brincar com situações do mundo do futebol. Com formato despojado, o programa vai mostrar os bastidores e a rotina dos times, em bate-papos super descontraídos no estúdio da emissora, com a presença de convidados que entendem de futebol. 

 

Depois das partidas, o programa volta com mais 20 minutos com as análises dos lances feitos pelos convidados e muita interação do telespectador, que poderá participar por meio das mídias sociais da Cultura Rede de Comunicação. Os torcedores poderão enviar perguntas, fotos e vídeos por meio do ig @portalcultura, no Twitter, e da página do Portal Cultura no Facebook durante o programa ao vivo. Os apresentadores também vão disponibilizar no primeiro programa um número de WhatsApp para facilitar a interação com o público. O 'Meio de Campo 3.0' também continua e vai trazer conteúdo exclusivo voltado para internet, que será divulgado no Facebook (www.facebook.com/portalcultura) e Youtube do Portal 

Cultura (www.youtube.com/canalportalcultura). 

 

"Sempre buscamos novidades para o telespectador que assiste ao programa. Então ele terá detalhes sobre os clubes que disputam a competição, as negociações, os lances polêmicos durante as partidas, enfim, vamos levar tudo isso para transmissão. Assim como no ano passado, vamos ter a participação de torcedores e convidados no estúdio, que vão ajudar a 

conduzir as conversas e enriquecer as discussões sobre os jogos", completa Paloma Andrade. 

 

A Cultura Rede de Comunicação vai premiar os craques do Banparazão 2018, em várias categorias, no ‘Troféu Meio de Campo’, que chega a sua sexta edição. A escolha deve ser realizada por uma equipe técnica e também com a ajuda do público, que vai poder eleger os melhores por meio de votação aberta no Portal Cultura. As informações sobre o prêmio serão divulgadas em breve no programa. Pelo terceiro ano consecutivo, a Cultura, Fundação Hemopa, e os clubes Remo e Paysandu realizam a campanha “Doadores Futebol Clube”, com objetivo de aumentar o número de doadores de sangue no Estado. A campanha  será lançada no primeiro RexPa do Banpazarão, marcado para o dia 28 deste mês, no Estádio do Mangueirão.  

APOIO CULTURAL                                            REALIZAÇÃO