Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

Faça parte da campanha Doadores Futebol Clube

Imprensa

Faça parte da campanha Doadores Futebol Clube

Foto em destaque
A Cultura Rede de Comunicação, em parceria com a Fundação Hemopa e os clubes Remo e Paysandu, lançou no dia 28 de janeiro,  a campanha “Doadores Futebol Clube” pelo terceiro ano consecutivo. O objetivo da ação é conscientizar jogadores e torcedores para aumentar o número de doadores de sangue no Estado, visto que no início do ano o hemocentro registra queda no comparecimento devido as chuvas e viroses. Pelo terceiro ano consecutivo, a campanha terá um dia "D" de doações, que será realizado dia 9 de março, a partir das 07h30 na Fundação Hemopa. 
 
"Mais uma vez a Cultura Rede de Comunicação abraça a causa da responsabilidade social por meio da doação de sangue. Este ano vamos trazer várias novidades no sentido de sensibilizar a  população para importância da doação. A Fundação Hemopa agradece por mais um ano em nome de todos os pacientes que são atendidos em decorrência dessa iniciativa. Essa ação é muito positiva porque leva até as pessoas informação no sentido de chamar atenção para essa campanha de saúde, que tem impacto na saúde de todos os paraenses", observa Juciara Farias, gerente de captação de doadores do Hemopa.  
 
Durante a campanha, os times de Remo e Paysandu realizam ações nos jogos e nas redes sociais para captar possíveis doadores entre suas torcidas. Os jogadores vão fazer a sua parte convocando os torcedores por meio de vídeos que ressaltam a importância do tema. A ideia é sensibilizar bastante torcedores, a exemplo das campanhas realizadas nos anos anteriores. As líderes de torcida de Remo e Paysandu, juntamente com os mascotes dos clubes,  participam do lançamento da campanha neste domingo no Mangueirão.  "É um grande prazer para os dois times  que contam com grandes torcidas estar participando de um evento como este. É uma ação de fundamental importância poder mobilizar um grande número de pessoas em torno da solidariedade. O Remo está muito feliz em ajudar e vamos conseguir cada vez mais doações", destaca Glauber Pontes, da equipe de marketing do Clube do Remo.
 
Para Luiz Augusto, do setor de responsabilidade social do Paysandu, a campanha tem tudo para repetir o sucesso dos anos anteriores. "O Paysandu vem abraçando cada vez mais essas causas sociais através da nossa diretoria e isso é fantástico. Essa questão social deve ser abraçada por todos, então vamos dar todo apoio necessário na campanha para que nós possamos captar mais doadores, principalmente no dia "D", completa ele. 
 
De acordo com coordenadora de marketing da Cultura Rede de Comunicação, Joyce Okamoto, a idéia da campanha é estimular a doação de sangue, principalmente durante o inverno amazônico, quando ocorre redução de doadores na Fundação Hemopa. 
 
"A Cultura sempre abraçou a causa da solidariedade e isso também faz parte da nossa missão enquanto emissora pública. Este ano queremos dobrar o número de doadores, mas para isso, contamos com ajuda dos clubes e torcedores. A doação de sangue é muito importante e ajuda milhares de pacientes nos hospitais do Estado", completa Okamoto.  A campanha "Doadores Futebol Clube" terá um Dia "D" na Fundação Hemopa, que será realizado dia 9 de março. A ideia é aumentar o número de doadores neste dia. No ano passado a ação alcançou quase 400 doações de sangue, quando a média era de 150 por dia. 
 
Doadores FC na Praça
 
Para dar mais visibilidade para o 'Dia D' da campanha, os mascotes de Remo e Paysandu estarão nesta terça-feira, 5 de março, às 17hs, na praça Batista Campos. O objetivo da ação é informar  à população do entorno sobre a importância da doação de sangue, além de esclarecer as dúvidas sobre o procedimento. Então você que é remista ou bicolor, compareça ao evento e tenha a oportunidade de tirar uma foto legal com o mascote do seu time favorito. Para saber mais, clique aqui 
 
 
Quem pode doar? 
 
Podem doar sangue pessoas com boa saúde, que tenham entre 16 e 69 anos e pesem acima de 50 quilos. Menores de 18 anos podem doar somente com autorização dos pais ou responsável legal. É necessário portar documento de identidade original e com foto. Não precisa estar em jejum. O homem pode doar a cada dois meses e a mulher, a cada três meses. Para fazer o cadastro de doadores de medula óssea, o candidato deve estar bem de saúde, ter entre 18 e 55 anos e portar documento de identidade original e com foto.