Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

‘Arraial do Pavulagem’ inicia programação junina

‘Arraial do Pavulagem’ inicia programação junina

Este ano as atividades acontecem por meio das redes sociais e seguem até o dia 12 de julho.
‘Arraial do Pavulagem’ inicia programação junina

O Instituto Arraial do Pavulagem inicia a partir deste sábado (20), sua programação junina virtual. Através de lives, podcasts, duas campanhas solidárias e a participação de convidados especiais, ela se estende até o dia 12 de julho.

 

A primeira parte da programação será baseada no projeto “Oralidades”, realizado desde 2012, com o intuito de reunir pesquisadores, artistas, mestres e outros fazedores de cultura para debater com o público diversos temas relacionados à cultura popular na Amazônia. O encontro ocorre este ano em forma de Live, será neste sábado, às 16h, pelo canal do Arraial do Pavulagem no YouTube, com mediação do Doutor em Sociologia e Antropologia, Edgar Chagas Júnior.

 

Convidados - Os convidados desta edição serão: Ima Vieira, Doutora em Ecologia pela University Of Stirling, Escócia (1996), pesquisadora titular do Museu Paraense Emílio Goeldi; Aldrin Figueiredo, Doutor em História pela Unicamp, São Paulo (2001), coordenador do Grupo de Pesquisa em História Social da Arte e professor do Programa de Pós-Graduação em História Social da Amazônia, da UFPA; e Ivânia Neves, Doutora em Linguística, na área de Análise do Discurso pela Unicamp (2009), professora do Instituto de Letras e Comunicação e docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Letras, da UFPA.

 

Campanhas – Também serão realizadas como parte da programação duas campanhas solidárias. A primeira destina-se a arrecadar fundos de apoio aos mestres de cultura popular, que se encontram em dificuldades financeiras.

 

Também será dado apoio à divulgação da Campanha “Marajó Vivo”, uma rede de solidariedade para ajudar os mais vulneráveis no combate ao coronavírus. A iniciativa acontece em parceria com o Museu Goeldi, o Museu do Marajó, a Prelazia do Marajó, a Diocese de Ponta de Pedras, a Irmandade do Glorioso São Sebastião, a Fundação pela Inclusão do Marajó, o Observatório de Direitos Humanos e Justiça Social do Marajó, vinculado à Universidade Federal do Pará (UFPA), e o Instituto Iacitata Amazônia Viva. Quem quiser ajudar, pode entrar em contato com os coordenadores da campanha pelos números: (91) 99989-6061, 98821-6263 e 99192-7741.

 

Foto: Elcimar Neves / Divulgação