Quiere comprar pastillas de potencia Venda De Viagra Brasil La entrega de tabletas se produce en la normal imperceptible el sobre y se respeta la confidencialidad de la.

Sem Censura Pará celebra o Dia da Consciência Negra

Tv Cultura

Sem Censura Pará celebra o Dia da Consciência Negra

Programa especial é todo dedicado à data
Publicado em 20/11/2020
Programa especial é todo dedicado à data
Sem Censura Pará celebra o Dia da Consciência Negra

20 de novembro, Dia da Consciência Negra. A data, instituída no Brasil desde 2003, foi escolhida por marcar a morte do líder negro Zumbi, um dos principais símbolos de resistência por sua luta contra a escravidão no nordeste. E para celebrar a data, o “Sem Censura Pará” desta sexta (20) é especial sobre o tema, com quatro entrevistas que ressaltarão a luta, conquistas e a cultura das gerações afro-brasileiras.

 

O programa o pesquisador Aiala Colares, Pós-doutor em Geografia e Coordenador do Núcleo de Estudos Afrobrasileiros (Neab) da Universidade do Estado do Pará (Uepa), que vai abordar a relação entre violência e racismo no Brasil. Segundo dados do Atlas da Violência 2020, em um período de 10 anos, de 2008 a 2018, a taxa de letalidade de negros no país cresceu 11%. O documento também mostra que 75% de todos os homicídios no Brasil são de pessoas negras. O pesquisador destaca como o racismo estrutural e as desigualdades raciais são entraves para a verdadeira liberdade do povo negro.

 

O escritor africano Nathan Fona Gomes, radicado em Belém desde 2011, lança neste sábado (21), às 17h, o livro “Muzumba a Profecia”, na livraria Fox. A obra faz parte de uma trilogia e pretende contribuir para a difusão da história do continente africano. O livro conta com vários elementos literários com uma pitada de romance, mitologia egípcia, personagens icônicos e muito da cultura existente em todo o continente africano, tornando-se uma leitura fácil e agradável que certamente deixará o leitor esperando o próximo livro, que será lançado em breve.

 

Tem a participação da engenheira agrônoma Maria de Nazaré Reis, assessora da Rede Bragantina de Economia Solidária, que divulga o trabalho da rede no sentido da valorização da cultura alimentar das comunidades tradicionais. A entidade trabalha com os princípios de Educação, Cidadania, Agroecologia, Agroindústria, Comercialização, Artesanato, Gênero e Etnia. São 15 empreendimentos formados por associações de comunidades tradicionais quilombolas, agricultura familiar, mulheres e jovens, do campo e da cidade que cultivam e produzem e depois comercializam os produtos em diversos municípios.

 

E ainda, um bate-papo com o babalorixá Edson Catendê sobre as religiões de matrizes africanas. Ele também vai falar sobre as lutas e as dificuldades no combate à intolerância religiosa.

 

Não perca! O Sem Censura Pará vai ao ar logo mais às 14h. A transmissão você acompanha pela TV e aqui no Portal Cultura através da nossa “TV ao Vivo”.

 

Foto: Fernando Frazão/ Agência Brasil